Medida do Pescoço e o IMC

medida do pescoço e o imc
A medida do pescoço já é referência para indicar sinais de problemas relacionado à obesidade. Para os especialistas, a medida da circunferência do pescoço é um bom indicador para revelar com mais precisão do que o imc, doenças causadas pelo excesso de gordura tanto em crianças quanto em adultos.
Problemas como o excesso de gordura visceral é melhor detectado com o uso da técnica da medida do pescoço do que com o IMC. Outro problema que pode ser evitado é a apneia. A gordura em excesso localizada no pescoço pode apertar a faringe e dificultar a respiração durante o sono, causando a apneia.
Outra grande vantagem da medida do pescoço em relação ao IMC é a eficácia do método em idosos que possuem a coluna um pouco curvadas. A coluna curvada altera a altura da pessoa – o que reflete muito no resultado do IMC – mas não interfere na circunferência do pescoço.
Para quem deseja aplicar o método da medida do pescoço, segue a tabela para interpretar a medida da circunferência do pescoço:

Idade Meninas Meninos
Até 6 anos até 27 cm até 28,5 cm
7 – 10 anos até 30,5 cm até 32 cm
11 – 16 anos até 33,4 cm até 38 cm
Acima de 16 até 41 cm até 41 cm

Mesmo com esse modelo de medida ainda é bom calcular o imc e ter mais um indicador de obesidade.



O novo IMC

novo imc
Cientistas britânicos sugerem uma nova fórmula para medir o grau de obesidade. O novo IMC, como está sendo chamado, ainda não é a medida oficial adotada pela OMS – Organização Mundial da Saúde – mas está ganhando cada vez mais força e a preferência dos profissionais da área da saúde. O motivo para criar um novo índice para substituir o antigo IMC é que segundo os pesquisadores o antigo IMC é muito impreciso.
A fórmula para calcular o novo IMC é bem simples, mais simples do que a fórmula do antigo IMC. A fórmula do novo IMC é:
Novo IMC = Altura/2
Para que seja considerado de risco baixo de desenvolver doenças cardíacas o resultado do novo IMC não pode ser mair do que a metade da altura.

Exemplo 1 – Acima da medida ideal:
Altura = 1,70m = 170cm
Cintura = 90cm
Novo IMC = 170/2 = 85cm
Esse resultado significa que a pessoa está acima do peso ideal, pois sua cintura está 5cm maior do que o resultado do novo IMC.

Exemplo 2 – Na medida ideal:
Altura = 1,80m = 180cm
Cintura = 90cm
Novo IMC = 180/2 = 90cm
Como a medida da cintura da pessoa está igual ao resultado do novo IMC, então essa pessoa está na medida ideal.



Dicas de alimentação saudável

É importante mantermos uma alimentação saudável para evitar doenças e outros problemas de saúde. Sabemos que não é tarefa fácil para conseguir manter uma alimentação saudável, por isso tenho algumas dicas de bolso para você lembrar sempre.

  • Mastigar bem os alimentos antes de engolir
  • Não comer besteiras a todo instante
  • Diminuir o consumo de sal (sagados, salgadinhos, petiscos)
  • Diminuir o consumo de gordura animal
  • Evitar o consumo excessivo de produtos industrializados
  • Mais refeições, menos quantidade
  • Evite a tentação dos fast-foods, pit-dogs, laches na rua

Essas são só algumas práticas que podem melhorar a sua alimentação e portanto a sua saúde.

Alimentação Saudável

alimentação saudável

Introdução
Hoje em dia a alimentação saudável está cada vez menos presente na vida das pessoas. No decorrer do dia as pessoas não comem mais frutas como maçãs, peiras ou bananas, comem bolachas, salgados, refrigerates, só produtos industrializados cheios de conservantes, corantes e outros produtos químicos que são prejudiciais à saúde.
Se pararmos para pensar maioria sabe, ou pelo menos tem uma boa noção como deve ser feita uma alimentação saudável. Acho que muitos entendem que fazer uma alimentação saudável não é gostoso, que nunca mais poderão comer besteiras, churrasco, frituras, etc. Bem, não é bem assim. Claro que ao se comprometer a ter uma alimentação saudável devemos diminuir o consumo de besteiras, mas não é preciso abolir da sua vida, afinal ninguém é de ferro.
Como fazer uma alimentação saudável?
Ter uma alimentação saudável não é só comer frutas e verduras. Para ser considerada uma alimentação saudável devemos consumir de maneira equilibrada todos os grupos alimentares, pois cada grupo contribui para a manutenção do nosso corpo.
Assim, para dar energia ao nosso corpo temos os alimentos ricos em carboidratos que são os pães, milho, arroz, mel, mandioca, batata, trigo, aveia, etc. Felizmente nós brasileiros já temos o hábito de comer esses alimentos no café da manhã, almoço e janta. Se possível, dêem preferência aos carboidratos complexos, pois eles também são ricos em vitaminas, minerais e fibras.
Para regular e proteger nosso organismo temos que consumir de 3 a 5 porções de salada e vegetais por dia. Na hora de fazer a salada é importante tentar deixá-la o mais colorido possível, assim ela será mais nutritiva.
Devemos consumir também de 3 a 5 porções de frutas. As frutas devem ser consumidas com moderação, pois são ricas em açucares que contribuem para o ganho de peso e isso não queremos. Se tomar um suco de goiaba, lembre-se que o suco foi feito da fruta, logo como uma porção e lembre-se de pedir para não colocarem açúcar nos sucos!
Para a manutenção dos nossos tecidos precisamos de proteínas, por isso devemos consumir carne, ovo e derivados do leite. A carne vermelha podemos consumir de 3 a 4 porções semanalmente. Os ovos devemos consumir de 2 a 4 porções por semana. Os derivados do leite podem ser consumidos em até 3 porções por dia. O feijão é fonte de proteína vegetal e precisamos consumi-lo, de preferência, no almoço e na janta.
Nosso corpo precisa de gordura para produzir os hormônios e controlar a temperatura do corpo. A gordura pode ser encontrada na manteiga, carne, refrigerantes, doces e uma infinidade de alimentos. Entretanto, a gordura deve ser consumida em pouca quantidade.

Calcular período fértil

Para calcular o período fértil basta contar 14 dias do início do seu ciclo de menstruação e considerar 3 dias antes e depois. Veja o exemplo:

Uma mulher que teve seu ciclo menstrual iniciado no dia 01/05 vai ter seu ciclo menstrual entre os dias 11/05 e 17/05.

Fica a dica para quem quer planejar uma gravidez e para quem quer evitar uma. Lembrando que calcular o período fértil para evitar gravidez não é um método recomendado, pois as chances de engravidar ainda são altas.

Calcular peso ideal





Para calcular o peso ideal, precisamos saber o que é o peso ideal. Peso ideal é o peso que, de acordo com o IMC – Índece de Massa Corporal, você está saudável. O IMC é calculado dividindo seu peso pelo quadrado da sua altura. A partir desse resultado é possível saber se você está no peso ideal ou não. Assim, para saber para qual peso você estaria no peso ideal basta isolar o peso. Assim a fórmula do peso ideal é:

peso ideal

Para estar no peso ideal o valor do IMC tem que estar entre 18,5 e 24,9.

Exemplos:

1 – Uma pessoa que tem 1,72 m. O peso ideal para essa pessoa está entre 54,73 e 73,66 Kg.

2 – Outra que tem 1,63 m. O peso ideal para ela é entre 49,16 e 66,16 Kg.

Veja também outros assuntos relacionados a saúde:

Calculadora de imc online





Desenvolvi uma calculadora de IMC online para facilitar a calcular o IMC. Basta informar sua altura e seu peso e clicar em calcular. Como resultado, vai ser informado seu IMC calculado e a interpretação da tabela do IMC.

Quem gostar e quiser divulgar:

URL: http://comocalcular.com.br/calculadoras/calcular-imc.php
Código HTML:<a href=”http://comocalcular.com.br/calculadoras/calcular-imc.php” target=”blank” title=”Calculadora de IMC Online”>Calculadora de IMC Online</a>

Calcular IMC – A tabela do imc





No post anterior sobre imc eu mostrei a fórmula do imc e ensinei como calcular o imc usando a fórmula. Entretanto, recebi muitos comentários de pessoas pedindo para eu calcular o imc delas, mesmo eu já tendo ensinado como calcular o imc. Navegando pela net, eu encontrei uma tabela muito boa sobre imc. Essa tabela simula diversas medidas de peso e altura e fornece o imc já calculado. Para melhorar ainda mais, essa tabela do imc é dividida por cores e a legenda das cores está logo abaixo da tabela.

tabela imc

Se quer saber como calcular imc, então clique aqui.

Como calcular frequencia cardíaca máxima – FCM

Calcular a frequencia cardíaca máxima (FCM) é muito importante para as pessoas que querem iniciar atividades físicas. Existe um intervalo de frequencia cardíaca ideal, que depende do objetivo dos exercícios físicos, que você deve manter durante os exercícios físicos para obter melhores resultados e evitar contusões. Esse intervalo é geralmente medido em porcentagem da frequencia cardíaca máxima.

Para calcular sua frequencia cardíaca máxima, basta pegar sua idade e subtrair de 220. Ex.: Se você tem 30 anos, então sua FCM é 220-30 = 190. Passando esse valor para porcentagem temos: 190/220 = 86,36%

Veja abaixo os intervalos mais comuns:

de 50% à 60%
Esse intervalo de frequencia cardíaca é indicado para pessoas que iniciaram atividades físicas recentemente e ainda não tem um bom preparo físico.

de 61% à 70%
Pessoas que praticam exercícios para perder peso devem usar esse intervalo, pois é queimada muita gordura nesse processo.

de 71% à 80%
É o intervalo “bom pra tudo”. Ajuda a melhorar a respiração, fortalece o músculo cardíaco e aumenta a resistência física. Queima muita gordura também.

de 81% à 90%
É uma frequencia cardíaca muito elevada. Só é indicado para pessoas com excelente condicionamento físico. Exige muito do coração.

de 91% à 100%
Não é indicado para ninguém! Se sua frequencia cardíaca ficar nesse intervalo, você vai se cansar logo, sentir dores e enjôos.